logo

Governo da Paraíba assegura início da implementação de projetos do PB Rural Sustentável para 2020

Governo da Paraíba assegura início da implementação de projetos do PB Rural Sustentável para 2020

Governador João Azevêdo anunciou, nesta segunda-feira (22), um conjunto de ações que assegura o início da implantação do programa Paraíba Rural Sustentável este ano. Em consonância com o Banco Mundial, a gestão estadual, por meio do projeto Cooperar, disponibilizou ferramentas virtuais para o envio de propostas e facultou a realização de consultas livres presenciais, garantindo aos agricultores familiares o acesso ao programa.

A ação tem como objetivo cumprir as orientações dos órgãos de saúde durante o período de pandemia do coronavírus e cumprir as metas estabelecidas para 2020, que preveem a construção de sistemas de abastecimento de água singelo, completo ou com dessalinizador, passagens molhadas e cisternas.

Os agricultores familiares poderão enviar suas propostas para o e-mail demandas.pbrural@gmail.com entre os dias 22 de junho e 5 de julho. Já a realização de consultas livres presenciais para o início da preparação das propostas de apoio aos públicos prioritários, como quilombolas e indígenas, bem como as reuniões dos Conselhos Municipais de Desenvolvimento Rural Sustentável ficam facultadas.

“Com a chegada da pandemia, tudo teve que ser reanalisado para nos adaptarmos a nossa realidade, mas o Governo do Estado tem atuado em diversas frentes para assegurar que obras e ações não sofram descontinuidade e é isso que estamos fazendo com o Paraíba Rural Sustentável”, disse.

De acordo com João Azevêdo, a iniciativa garante a valorização do trabalho do agricultor familiar. “O nosso objetivo com isso é permitir que o homem e a mulher do campo tenham todas as condições de continuar produzindo, fortalecendo a nossa economia, gerando renda, mas sem descuidar da saúde”, acrescentou.

O coordenador geral do projeto Cooperar, Omar Gama, enfatizou que o poder público tem agido com rapidez e eficácia para minimizar os efeitos colaterais da pandemia. “O Projeto Cooperar não ficou inerte, definindo com o Banco Mundial uma série de estratégias que serão desenvolvidas até dezembro de 2020 e que objetivam minimizar os efeitos danosos da pandemia, para a população rural paraibana, tanto em termos econômicos, quanto sociais”, falou.

Central Tira Dúvidas: telefone e WhatsApp com atendimento nos seguintes horários: das 8h30 às 11h30 e das 13h30 às 16h30, de segunda a sexta feira.

– REGIÃO SEDE – (83) 9 9895-7095

– REGIONAL DE SOLEDADE – (83) 9 9866-3858

– REGIONAL DE SUMÉ – (83) 9 9684-4039

– REGIONAL DE PATOS – (83) 9 9865-2329

– REGIONAL DE SOUSA – (83) 9 9632-1038

Compartilhar:




Comentários:

Colunistas